terça-feira, julho 18, 2006


Essa foto foi a primeira natureza morta que fiz. Sempre gostei de fotos close-up, mas não sabia o que fazer para conseguir um bom resultado, muito menos o que usar para compor a foto. Decidi então aproveitar a luz que vinha da janela da minha sala, e compus a foto usando uma tacinha de licor cheia de licor de cereja e uma maçã decorativa, tentando arrumar uma composição surrealista pseudo-intelectual, onde o vermelho da maçã encontrava-se na taça, e a maçã exibia uma coloração prateada, como que esmaecida. Não sei se alguém notou isso quando viu a foto - na verdade algumas pessoas até riram dela, kkkkk, mas gostei do resultado. Usei uma abertura de diafragma grande, se não me engano f2.8, para obter um fundo bem desfocado, e a velocidade de obturação foi 1/125s. Ainda não tinha muito controle da estética que a luz proporciona (e ainda não tenho), mas achei que o posicionamento dos elementos em relação à luz resultaria em uma composição agradável. Espero que vocês tenham gostado.

Um comentário:

L�via disse...

Rodrigo, a foto ficou ótima!
Vou linkar seu blog no meu!! Depois linka o meu!!
Agora o meu blog não é mais o blogdalivia...hehehe!!
www.livialamblet.blogger.com.br