quarta-feira, agosto 02, 2006



ABSTRAÇÕES: IMPROVISANDO

Uma das coisas mais difíceis em fotografia é conseguir uma imagem que diga alguma coisa, que expresse algum significado. Já dizia Ansel Adams, um dos grandes mestres da fotografia:"Não há nada pior do que uma imagem nítida de um conceito confuso". Ele tem toda a razão. Comumente vejo na internet fotos tiradas com máquinas de úlitma geração, com lentes ultranítidas, que não dizem nada ou não têm o menor senso estético. Essa é uma prova cabal de que a câmera não importa; quem faz belas fotos é o fotógrafo.
Tendo em mente a citação de Ansel Adams, conseguir uma boa fotografia abstrata, que diga alguma coisa, não é tarefa fácil. É deveras fácil encontrar na rede fotografias "ditas" abstratas, mas que na verdade não passam de uma tentativa frustrada de conseguir algum resultado. Você consegue descobrir a diferença entre um trabalho interessante e uma mera exposição sem valor quando você exprime alguma reação ao ver a foto. Várias vezes vi ensaios baseados em fotografias de legumes e frutas cujos resultados eram sublimes. Mas como??? Fácil: tudo depende de como você os registra. A luz, o fundo, a posição, o enquadramento... tudo isso vai influenciar no resultado obtido. E não é necessário nenhum grande aparato técnico, conseguem-se milagres a partir de materiais muito simples.
Essa foto que ponho hoje foi uma tentativa minha de produzir um resultado abstrato interessante. A idéia não foi minha; já havia visto uma foto praticamente idêntica em um site, mas o resultado não foi exatamente o que eu esperava. Tentei repetir a experiência em casa, tomando as providências que a tornassem mais do meu gosto, e consegui a imagem que vocês podem conferir. Originalidade zero, mas o efeito - claro, ao meu ver - foi válido. Para essa tomada eu usei apenas uma folha de papel branca, alguns lápis de cor e rebati o flash na parede, para que ele não expusesse a imagem a uma quantidade de luz demasiada. Colorido, não?

2 comentários:

Marta disse...

Adorei essa também!! Tem um efeito bem legal!!

Mas é isso aí. Se a fotografia dependesse só da tecnologia não seria uma arte.

Beijão!

L�via disse...

A originalidade pode ter sido zero, mas o efeito foi 10!! Ficou muito linda essa foto, parece até uma pintura...
Nossas aulas na Wizard falavam de tudo, menos de inglês...huahauauhauhahu!!!
Tô zuando, heim??
Beijos
http://www.livialamblet.blogger.com.br