terça-feira, dezembro 05, 2006


Aproveitando a onda do Natal, vou postar uma foto que tirei no Bay Market dia desses. O assunto da foto é o bom velhinho, nosso querido Papai Noel. Essa foto foi feita no meu primeiro rolo de teste com minha "nova" câmera, a Praktina FX. Essa jóia foi feita na Alemanha nos anos 50, e, embora seja antiga, é uma excelente máquina. Ela está precisando de uma limpeza geral e de um pouco de lubrificação, mas como sou muito ansioso, precisaria testar a máquina primeiro.
O filme que usei foi o Konica Minolta VX400, e usei na Praktina a objetiva Carl Zeiss Jena Triotar 135mm f:4, excelente para retratos. As cores resultantes ficaram um pouco estranhas, pois esse filme não é balanceado para luz artificial, e sim para luz do dia, e nesse lugar a luz estava mista, que pode ser pior ainda. Como o Papai Noel da foto me pareceu muito simpático - e bastante real, embora fosse um boneco, decidi registrá-lo para esquentar ainda mais o clima do Natal. Da próxima vez, vou levar um tripé e uma lente grande-angular, para captar Noel em seu cenário. Ah, outra coisa que me chamou a atenção e trouxe ainda mais motivos para fotografá-lo foi o fato de ele estar usando seu macacão de jardineiro, bem à vontade. Provavelmente estava cultivando umas ervinhas para fumar na noite de Natal. Rsrsrss...

2 comentários:

Marta disse...

Hey!
Quando vi a foto assim rapidamente, achei que fosse real. Depois que vi que era um boneco.
Esse filme que vc usou é específico pra essa máquina? Vc poderia usar um outro filme que não deixasse as cores "estranhas"?
Beijinhos!!

ps: adorei o cultivo da erva pra usar no Natal!! rsrsrsrs

Rodrigo N. disse...

Na verdade Martinha as cores ficaram estranhas porque não usei um filtro para correção de cor, porque a mistura de luzes do sol e incandescentes causa desvios na cor, resultando em cores alteradas.
Quanto às ervas, Papai Noel fica super alto nessa época... é para aguentar o trampo sem estafa, hahahahha!